Aplicação de algoritmos de aprendizagem de máquina para mineração de dados sobre beneficiários de planos de saúde suplementar

Oudival Luiz Fraccaro Marins, Everton Fernando Barros, Wesley Romão, Ademir Aparecido Constantino, Celso Lara Souza

Resumo


Grandes bases de dados podem conter conhecimento oculto que poderia auxiliar na tomada de decisões, porém a extração de tal conhecimento não é tarefa trivial sendo necessária a utilização de técnicas de mineração de dados. Operadoras de planos de saúde suplementar normalmente possuem grande quantidade de informações armazenadas a respeito dos procedimentos realizados por seus beneficiários, o que possibilita a existência de conhecimento oculto em suas bases de dados. A literatura apresenta um algoritmo, denominado C5.0, reconhecido como eficiente para resolver a tarefa de classificação em mineração de dados. Neste artigo foram aplicados os algoritmos, de aprendizagem de máquina, C5.0 e PGD (Programação Genética Difusa) em uma base de dados sobre beneficiários de planos de saúde suplementar a fim de validar o algoritmo baseado em programação genética comparando com os resultados da aplicação do algoritmo C5.0.

Palavras-chave


Mineração de Dados

Texto completo: Sem título () PDF


Journal of Health Informatics - ISSN 2175-4411
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 57 - sala 33 CEP 04038-040 São Paulo - SP - Brasil
Tel./Fax: + 55 11 3791 3343 - E-mail: jhi@sbis.org.br