Contribuição da documentação eletrônica de enfermagem para aferição dos custos dos cuidados de higiene corporal

Antônio Fernandes Costa Lima, Fernanda Maria Togeiro Fugulin, Valéria Castilho, Felícia Hiromi Nomura, Raquel Rapone Gaidzinski

Resumo


Objetivos: Identificar os diagnósticos/resultados/intervenções mais frequentes, relacionados às necessidades de higiene corporal (HC), selecionados em um sistema eletrônico na admissão de pacientes com Alta dependência de Enfermagem (ADE) hospitalizados em uma unidade de clínica médica (CM) e calcular o custo médio total direto (CMTD) das atividades de HC mais freqüentes. Métodos: Estudo quantitativo, exploratório, descritivo. A amostra de conveniência, não probabilística, correspondeu a 154 observações  das atividades banho de aspersão com cadeira higiênica (BACH), banho no leito (BL) e higiene oral (HO). Resultados: Selecionou-se o diagnóstico AUTOCUIDADO para banho/higiene para 36% dos pacientes; para 44% estabeleceu-se o resultado Autocuidado: Atividades da Vida Diária e a intervenção Assistência no AUTOCUIDADO (52%). O CMTD do BL correspondeu a R$ 51,06; da HO a  R$ 8,67 e da BACH a R$ 25,60. Conclusão: A documentação eletrônica fundamentou a aferição do CMTD de atividades de HC e subsidiará os enfermeiros da CM no gerenciamento de custos.

Palavras-chave


Enfermagem; Informática em Enfermagem; Custos Diretos de Serviços

Texto completo: PDF


Journal of Health Informatics - ISSN 2175-4411
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 57 - sala 33 CEP 04038-040 São Paulo - SP - Brasil
Tel./Fax: + 55 11 3791 3343 - E-mail: jhi@sbis.org.br