Tecnologias da informação e comunicação: influências no trabalho da estratégia Saúde da Família

Daniele de Norões Mota, Raimundo Augusto Martins Torres, José Maria Ximenes Guimarães, Mirna Neyara Alexandre de Sá Barreto Marinho, Aretha Feitosa de Araújo

Resumo


Objetivo: Compreender as contribuições e utilização das TICs no desenvolvimento do trabalho da ESF, a partir da percepção dos profissionais. Método: Trata-se de um estudo qualitativo que investigou o uso das TICs no processo de trabalho dos médicos, enfermeiros e dentistas da Estratégia Saúde da Família no município do Crato-Ceará. Resultados: Identificou-se que 34% utilizam-nas para o desenvolvimento do trabalho, especialmente, no preparo das atividades educativas. Estes profissionais poucos trocavam experiências, se atualizavam e se organizavam nos seus processos de trabalho com o uso das TICs, mesmo que reconhecessem sua importância, argumentando que a principal dificuldade de não utilizarem localizava-se na falta de estrutura das Unidades Básicas de Saúde. Conclusão: As Tecnologias da Comunicação e Informação ainda são pouco exploradas pelos profissionais da Estratégia Saúde da Família, levando em consideração o mundo de oportunidades que estas ferramentas podem ofertar para melhorar o desenvolvimento pessoal, profissional e organizacional da produção do cuidado em saúde.

Palavras-chave


Tecnologia Biomédica; Estratégia de Saúde da Família; Trabalho

Texto completo: PDF


Journal of Health Informatics - ISSN 2175-4411
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 57 - sala 33 CEP 04038-040 São Paulo - SP - Brasil
Tel./Fax: + 55 11 3791 3343 - E-mail: jhi@sbis.org.br