Percepção de farmacêuticos no uso de tecnologias em processos com medicamentos em hospitais

Carolina Moraes Viviani, Josceli Maria Tenório, Romulo Mendonça Carvalho, Ivan Torres Pisa

Resumo


Objetivos: Avaliar a percepção dos farmacêuticos hospitalares quanto a aspectos das tecnologias da informação dedicadas a assistência farmacêutica.  Métodos: Foi realizado um survey para identificar a percepção dos farmacêuticos hospitalares quanto às tecnologias em processos de prescrição, farmácia clínica, dispensação e administração de medicamentos. Foi analisada a concordância da percepção dos aspectos negativos, positivos, vantagens e problemas das tecnologias. Resultados: Houve alta concordância sobre a percepção dos aspectos positivos das tecnologias e vantagens quando em comparação ao modelo menos tecnológico. Há percepção dos aspectos negativos e problemas, mas de maneira menos assertiva. Há uma quebra da visão ingênua sobre a incorporação tecnológica possivelmente devido à recente e intensa informatização da área. Conclusão: Os resultados mostram uma visão crítica relevante dos farmacêuticos para a seleção e avaliação de tecnologias em processos com medicamentos em hospitais.


Palavras-chave


Serviço de Farmácia Hospitalar; Sistemas de Informação em Farmácia Clínica; Tecnologias Biomédica; Avaliação da Tecnologias de Saúde; Sistemas de Distribuição de Medicamentos em Hospital

Texto completo: PDF


Journal of Health Informatics - ISSN 2175-4411
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 57 - sala 33 CEP 04038-040 São Paulo - SP - Brasil
Tel./Fax: + 55 11 3791 3343 - E-mail: jhi@sbis.org.br