Processo de Enfermagem: comparação do registro manual versus eletrônico

Meire Chucre Tannure, Ana Paula Souza Lima, Cleydson Rodrigues de Oliveira, Schiller Veloso Lima, Tânia Couto Machado Chianca

Resumo


Objetivo:Comparar a funcionalidade, confiabilidade, usabilidade e eficiência dos registros manuais e de um software especialmente desenvolvido para auxiliar na implantação do Processo de Enfermagem. Método: Trata-se de um estudo de intervenção realizado em uma Unidade de Terapia Intensiva. A comparação foi realizada usando o teste de Wilcoxon. Constatou-se que o software apresentou-se mais vantajoso por ser preciso na execução e favorecer a compreensão sobre a interrelação das etapas do Processo de Enfermagem; dispor de avisos e lembretes que minimizam o registro de dados inválidos; ser mais fácil aprender os conceitos, executar as ações e controlar o preenchimento dos instrumentos de documentação; favorecer a avaliação do serviço; possuir subsídios de ajuda e recursos mais adequados à aplicação do processo na prática. Conclusão: O registro eletrônico das etapas do processo de enfermagem foi melhor avaliado que a forma manual.Resultados:

Palavras-chave


Processos de Enfermagem; Validação de Programas de Computador; Unidades de Terapia Intensiva; Tecnologia Biomédica

Texto completo: PDF


Journal of Health Informatics - ISSN 2175-4411
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 57 - sala 33 CEP 04038-040 São Paulo - SP - Brasil
Tel./Fax: + 55 11 3791 3343 - E-mail: jhi@sbis.org.br